O piloto português Rui Gonçalves, aos comandos de uma Husqvarna, somou hoje três pontos para o Mundial de motocrosse no Grande Prémio da Suécia, 16.ª prova do calendário.

Gonçalves foi 18.º na primeira corrida, posição pela qual recebeu três pontos para o Mundial, e 30.º e último na segunda, ficando no 23.º lugar combinado.

A prova foi ganha pelo esloveno Tim Gajser (Honda), que foi primeiro na corrida inicial e segundo na etapa complementar, somando 47 pontos, seguido dos franceses Romain Febvre (Yamaha) e Gautier Paulin (Husqvarna), que conseguiram 40.

Na liderança do mundial continua o italiano Tony Cairoli (KTM), com 631 pontos, 101 a mais do que o holandês Jeffrey Herlings (KTM), enquanto Rui Gonçalves tem 108 e está no 18.º posto a quatro provas do final do campeonato do mundo.

O próximo Grande Prémio é o dos Estados Unidos, em Jacksonville, no estado da Flórida, em 03 de setembro.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.