O piloto holandês Max Verstappen (Red Bull) confirmou hoje nas redes sociais estar “bem” de saúde, após o acidente sofrido no início do Grande Prémio da Grã-Bretanha de Fórmula 1, após toque no Mercedes do britânico Lewis Hamilton.

O piloto dos Países Baixos, que liderava no momento do acidente à entrada da segunda volta, sofreu um impacto de 51 G (51 vezes a força da gravidade) e foi levado a um hospital local para observação.

Red Bull acusa Hamilton, o britânico respondeu: "Verstappen não tem de ser tão agressivo"
Red Bull acusa Hamilton, o britânico respondeu: "Verstappen não tem de ser tão agressivo"
Ver artigo

"Em primeiro lugar: Estou feliz por estar bem. Foi um grande impacto, com 51 G, mas sinto-me melhor", afirmou numa publicação nas redes sociais.

Verstappen mostrou-se, ainda, contrariado com a penalização atribuída ao campeão mundial em título.

“Não nos ajuda de forma nenhuma e não faz justiça ao movimento perigoso que o Lewis [Hamilton] fez na pista”, acrescentou Verstappen, nas redes sociais.

O holandês acusou ainda o britânico de falta de respeito pelas celebrações no final da corrida.

"As celebrações dele depois da corrida, enquanto ainda estava no hospital, foram uma falta de respeito e antidesportivas", concluiu.

*Artigo atualizado às 23h59

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.