A nadadora Ana Rodrigues manifestou-se hoje "feliz" por bater o recorde nacional nos 50 metros livres, que já lhe pertencia e que era um objetivo a alcançar nos campeonatos nacionais, a decorrerem no Funchal.

O tempo de 25,56 segundos surge um ano após o anterior recorde da atleta da Sanjoanense, de 25,66, conseguido em Oeiras, em 27 de julho de 2018.

"Claro que me sinto muito bem. Vinha a apontar para isso. Já nas Universíadas, tinha ficado muito perto de bater o recorde, que era meu e, obviamente, que a intenção era de melhorar. Só posso estar feliz. Ainda tenho alguns pormenores para melhorar, o que só é positivo", afirmou.

Ana Rodrigues considerou que, ao conseguir um novo recorde, tem margem para progredir e já pensa em domingo, quarto e último dia dos Nacionais absolutos na Madeira, nos quais também já triunfou em 100 e 50 metros bruços.

"Para esta prova, estava a sentir-me muito bem. Trabalhei muitos pormenores. Tenho amanhã [domingo] os 100 [metros] livres e o objetivo é estar sempre no meu melhor. O meu tempo é recorde nacional, portanto vamos ver como vai sair", comentou.

O recorde de Ana Rodrigues nos 100 metros livres é de 56,39 segundos e foi alcançado em 04 de abril, em Coimbra.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.