O madeirense Ivan Fernandes, ex-campeão nacional, afirmou à Agência Lusa que se sente “orgulhoso” e “preparado” para comandar o escalão júnior da seleção de natação do Liechtenstein.

“Ser selecionador nacional é um motivo de orgulho. Sinto-me preparado para este desafio”, salientou Ivan Fernandes, que arranca os trabalhos de seleção em agosto.

Há quatro anos, o nadador deixou o arquipélago “na aventura” e mudou-se para a Alemanha para “ganhar conhecimento”, relembrando os desafios de sair de “um meio pequeno como a Madeira” para o “centro da Europa.”

“Já trabalho há quatro anos na Alemanha e, nestes últimos dois anos trabalhava num centro de alto rendimento em Hamburgo, que é um dos melhores centros da Europa”, frisou, enfatizando o orgulho que sente por ter “dois atletas presentes no campeonato da Europa de juniores”, que acontece no próximo mês, em Roma.

Ivan Fernandes pretende “continuar a evoluir e a formar bons nadadores” neste novo desafio, com o objetivo de ter “atletas que participem em competições internacionais”.

O treinador nasceu no Funchal, mas parte da sua infância foi vivida na Ilha de Porto Santo, tendo rumado para Lisboa ainda criança onde permaneceu até aos 27 anos, voltando nesse mesmo ano à ‘Pérola do Atlântico’ para comandar o Clube Naval do Funchal.

Ainda na capital portuguesa foi nadador, campeão nacional em 2002 pelo Clube de Natação da Amadora, tendo representado ainda as cores do Benfica, equipas a que regressou anos depois, mas desta feita no papel de treinador.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.