Fu Yu (47.ª), Shao Jieni (62.ª), Rita Fins (729.ª) e Inês Matos (764.ª) vão medir forças com a Ucrânia nos ‘quartos’, na sexta-feira, depois de saírem do grupo E e seguirem para a fase a eliminar, o que garante, desde já, a presença no Mundial2022 por equipas.

Hoje, a seleção 32.ª posicionada no ‘ranking’ coletivo, e 'vice' europeia, venceu a Hungria, 13.ª, por 3-2, começando por um de dois triunfos de Fu Yu: primeiro com Georgina Pota (52.ª), por 11-8, 11-4 e 11-8.

Seguiu-se Shao Jieni, ante Dora Madarasz (64.ª), uma derrota renhida, por 3-2, com os parciais de 14-12, 7-11, 12-10, 4-11 e 12-10, antes de Mercedes Nagyvaradi (287.ª) bater Inês Matos por 11-6, 11-9 e 11-4.

Fu Yu empatou a dois o encontro, frente a Dora Madarasz, ao vencer por 3-2 (11-3, 11-3, 11.9, 6-11 e 5-11), antes de Shao Jieni fechar a partida contra Pota (11-6, 11-9 e 11-7).

Na sexta-feira, terão pela frente as ucranianas Margarita Pesotska (29.ª), Ganna Gaponova (66.ª), Solomiya Brateyko (186.ª) e Veronika Hud (680.ª).

“A nossa equipa é muito unida e estamos muito empenhadas para o jogo de amanhã [sexta-feira]. Sabemos que a Ucrânia é uma equipa forte e o encontro vai ser difícil, mas vamos dar o máximo e deixar tudo na mesa”, declarou a selecionadora, Xie Juan, citada pela Federação Portuguesa de Ténis de Mesa.

Em masculinos, Portugal, vice-campeão europeu e 10.º da hierarquia, ficou pelo caminho ante a formação 23.º colocada, entrando a perder com João Geraldo, 91.º da hierarquia mundial, ante o melhor dos dinamarqueses, Jonathan Groth (32.º), por 11-8, 9-11, 8-11, 11-7 e 11-9.

Seguiu-se Marcos Freitas, único luso no ‘top 30’ mundial, e este entrou a vencer por 2-0, pelos parciais de 11-6 e 14-12, mas acabou por assistir à reviravolta de Anders Lind (83.º), com três ‘sets’ seguidos (11-6, 11-7 e 11-6).

Na terceira partida, que Portugal tinha obrigatoriamente de vencer, Tiago Apolónia (59.º) esteve em desvantagem de 0-2, conseguiu o empate, mas Tobias Rasmussen (208.º) fechou o resultado em 3-2 na partida e 3-0 no encontro, arredando os portugueses da próxima fase.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.