O tenista espanhol Carlos Alcaraz conquistou hoje o título mais importante da carreira, ao bater o argentino Facundo Bagnis no ‘challenger’ 3 Oeiras, torneio de categoria 125 do ATP Challenger Tour, no Complexo Desportivo do Jamor.

O jovem prodígio, de 18 anos, que figura no 114.º lugar no ‘ranking’ ATP, superou o experiente adversário, de 31 anos, em apenas dois ‘sets’, com os parciais de 6-4 e 6-4, ao fim de uma hora e 38 minutos.

Na final disputada no centralito do Jamor, o tenista de Múrcia entrou melhor no encontro e conseguiu o ‘break’ logo no primeiro jogo de serviço de Bagnis, mantendo a vantagem no marcador até ao final do primeiro parcial.

Na segunda partida, Alcaraz voltou a quebrar o adversário, no sétimo jogo, e, apesar de não ter conseguido confirmar o ‘break’, colocou-se em vantagem no jogo seguinte, fechando para alcançar o quarto título ‘chalenger’ da carreira.

“Estou supercontente por conquistar este título, o maior até ao momento. Joguei a um grande nível durante toda a semana, exatamente o que eu precisava, porque este torneio teve jogadores de muito bom nível, e eu precisava de um nível de concentração e de jogo muito elevado. Julgo que o consegui, foi uma ótima preparação para Roland Garros e estou com muita confiança”, afirmou o campeão do torneio português, em vésperas de disputar o seu segundo ‘major’ da carreira.

Graças ao triunfo no ‘challenger’ 3 de Oeiras, o jovem espanhol deverá ascender à 94.º posição no ‘ranking’ ATP, garantindo, assim, pela primeira vez na carreira, a presença entre os 100 melhores do mundo.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.