O tenista português Frederico Gil falhou este domingo o apuramento para o quadro principal do Masters 1000 de Madrid, depois de perder com o espanhol Daniel Gimeno-Traver na última ronda do “qualifying”.

O número dois português, 109.º do Mundo, foi derrotado pelo 107.º jogador do “ranking” em dois “sets”, pelos parciais de 7-5 e 6-4.

«Foi bom, joguei bem, mas ele esteve melhor. As condições estavam muito rápidas, ele serviu bem, tirou muito partido do primeiro serviço, e a ‘direita’ estava forte e ‘pesada’», reconheceu Frederico Gil no final do confronto, citado pela sua assessoria de imprensa.

No entanto, Frederico Gil tem ainda hipóteses de ser repescado para o quadro principal caso ocorra alguma desistência no torneio espanhol.

Em cinco confrontos, o espanhol ganhou o quarto, todos em torneios de terra batida. A única vitória de Gil sobre Gimeno-Traver ocorreu em 2009, na primeira ronda do torneio londrino de Queen’s, uma das provas que antecipa o “Grand Slam” de Wimbledon, o maior torneio em relva do Mundo.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.