O tenista Gonçalo Oliveira perdeu hoje na segunda ronda do Oeiras Open 3, torneio do ATP Challenger Tour, e deixou o quadro de singulares sem portugueses, num dia em que Francisco Cabral e João Domingues foram eliminados nos pares.

Depois das derrotas de João Domingues e Pedro Araújo também na jornada de acesso aos quartos de final no Complexo de Ténis do Jamor, foi a vez do tenista portuense ficar pelo caminho, ao ceder perante o chileno Nicolas Jarry, por duplo 6-3.

Ultrapassado Gonçalo Oliveira em uma hora e 12 minutos no ‘court’ central do Jamor, Jarry, antigo ‘top 40’ mundial e atual 129.º classificado, vai agora defrontar o francês Kyrian Jacquet (287.º ATP) no embate de qualificação para as meias-finais do torneio organizado pela Federação Portuguesa de Ténis.

Já depois de Oliveira (351.º), foi a vez de Francisco Cabral e o parceiro João Domingues serem eliminados nos quartos de final na variante de pares pela dupla gaulesa e primeira cabeça de série, constituída por Sadio Doumbia e Fabien Reboul, com os parciais de 6-1, 2-6 e 10-6.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.