O russo Daniil Medvedev empurrou Rafael Nadal e recuperou o segundo lugar do ranking da ATP divulgado esta segunda-feira e que, pela primeira vez, não tem tenistas americanos entre os 30 primeiros.

Nadal foi eliminado do Masters 1.000 de Madrid nos quartos de final, na semana passada, pelo eventual campeão Alexander Zverev, o que levantou algumas questões sobre a sua forma antes da tentativa de alcançar o 14º título em Roland Garros.

Já Zverev continua em sexto lugar, apesar de ter conquistado o seu primeiro título de Masters em três anos.

Taylor Fritz é o americano com a melhor classificação em 31º - a primeira vez que os EUA não tiveram um jogador entre os 30 primeiros desde que o ranking ATP foi criado em 1973.

O vice-campeão do Masters 1.000 de Madrid, Matteo Berrettini, saltou uma posição e é agora o número nove do mundo.

Os 20 melhores:

1. Novak Djokovic (SRB) 11,463 pts

2. Daniil Medvedev (RUS) 9,780 (+1)

3. Rafael Nadal (ESP) 9,630 (-1)

4. Dominic Thiem (AUT) 8,365

5. Stefanos Tsitsipas (GRE) 7,610

6. Alexander Zverev (GER) 6,945

7. Andrey Rublev (RUS) 6,000

8. Roger Federer (SUI) 5,785

9. Matteo Berrettini (ITA) 4,048 (+1)

10. Diego Schwartzman (ARG) 3,765 (-1)

11. Roberto Bautista Agut (ESP) 3,170

12. Pablo Carreno Busta (ESP) 3,050

13. David Goffin (BEL) 2,875

14. Denis Shapovalov (CAN) 2,855

15. Gael Monfils (FRA) 2,703

16. Casper Ruud (NOR) 2,665 (+6)

17. Grigor Dimitrov (BUL) 2,586

18. Jannik Sinner (ITA) 2,545

19. Hubert Hurkacz (POL) 2,543 (-3)

20. Milos Raonic (CAN) 2,540 (-1)

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.