A tenista portuguesa Michelle Larcher de Brito vai realizar um exame ao pulso direito, para avaliar a extensão da lesão sofrida no encontro da segunda ronda da qualificação para Wimbledon, na quarta-feira.

"Sabemos que a Michelle rasgou um músculo no pulso, mas, por causa do sangramento e inchaço, temos de esperar que diminua, para fazer uma segunda ressonância magnética e obter uma melhor indicação da lesão", disse hoje à agência Lusa a mãe de Michelle Larcher de Brito.

Caroline de Brito referiu que "uma intervenção cirúrgica ao pulso de Michelle ainda não foi descartada".

A número um portuguesa desistiu no encontro com Jessica Pegula, no final do nono jogo da terceira partida, quando o resultado era favorável à norte-americana, por 1-6, 7-6 (7) e 5-4.

Michelle Larcher de Brito caiu numa altura em que a adversária estava a um ponto do 4-4 na terceira partida. A tenista apoiou mal a mão direita na relva natural de Roehampton.

Depois de assistida pelo fisioterapeuta de Wimbledon, a terceira de quatro provas do ‘Grand Slam’ da temporada, ainda tentou continuar a discutir a vitória no encontro, mas acabou por abandonar o ‘court’.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.