Rafael Nadal anunciou que não vai estar na edição deste ano do torneio de Roland Garros, prova do Grand Slam que conquistou já por 14 vezes na sua carreira.

Numa conferência de imprensa na sua academia, em Manacor, Rafael Nadal explicou que os problemas físicos que o apoquentam o vão manter ainda mais alguns meses fora dos courts.

"A lesão que fiz na Austrália não evoluiu como queríamos. O mais importante, que era Roland Garros, é impossível. Depois de tantos anos sem faltar, imaginam o quão difícil é para mim. Não foi uma decisão que tomei eu, foi uma decisão que tomou o meu corpo. Não tenho a intenção de jogar nos próximos meses", explicou.

O tenista espanhol não quis, assim, apontar uma data para o seu regresso aos courts, tendo falado numa pausa na carreira. "Tentarei regenerar o meu corpo neste meses e não vou apontar uma data de regresso. Quando me sentir fisicamente preparado, voltarei. Pode ser um objetivo tentar jogar a Taça Davis no final do ano. E, depois, tentar encarar o próximo ano com outras garantias", sublinhou. "Creio que 2024 vai ser o meu último ano. Espero poder aproveitar e dizer assim adeus aos torneios que mais gosto", acrescentou.

Nadal não compete desde janeiro, altura em que sofreu uma lesão na segunda eliminatória do Open da Austrália, primeiro Grand Slam da época. Esta será a primeira vez desde 2005 que não disputará o torneio de Roland Garros, local onde conquistou 14 dos seus 22 ‘majors’. Neste momento ocupa o 14.º posto do ranking ATP, mas a ausência de Roland Garros levará a que caia para fora do Top 100 da hierarquia mundial.

Duas vezes campeão olímpico, em singulares em Pequim2008 e em pares no Rio2016, Nadal admite que gostaria de jogar pela quarta vez em Jogos Olímpicos.

"Gostaria de jogar o que é importante para mim no próximo ano e os Jogos Olímpicos são, mas não sei [se conseguirei]", referiu.

Nadal divide com o sérvio Novak Djokovic o maior número de 'majors' conquistados, com 22 títulos, sendo que o espanhol conquistou 14 desses cetros em Roland Garros.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.