O tenista espanhol Rafael Nadal continuous a sua caminhada imparável no Open dos Estados Unidos, num dia em que a bielorrussa Victoria Azarenka, finalista vencida em 2012, sofreu para passar à quarta ronda.

Nadal, que venceu nove torneios desde que voltou em janeiro, após sete meses de ausência por lesão, alcançou a sua melhor série de vitórias em piso rápido, somando o 18.º triunfo, frente ao croata Ivan Dodig, por 6-4, 6-3, 6-3.

«Comecei o encontro com a intensidade correta. Penso que foi o meu melhor encontro esta semana», disse Nadal, segundo cabeça de série, que ainda não cedeu qualquer “set” este ano em Nova Iorque.

Na próxima ronda, o espanhol, que procura o seu 13.º título num torneio de Grand Slam, vai defrontar na próxima ronda o norte-americano John Isner, 13.º pré-designado, ou o alemão Philipp Kohlschreiber, 22.º.

Victoria Azarenka, duas vezes campeã do Open da Austrália, teve de dar a volta ao encontro com a francesa Alize Cornet, 26.ª favorita e “carrasco” da portuguesa Maria João Koehler na primeira ronda, para vencer por 6-7 (2-7), 6-3, 6-2.

«No primeiro ‘set’ Alize jogou muito bem e eu cometi demasiados erros. Não fui paciente e não converti as minhas oportunidades. No segundo parcial comecei a aproveitar as oportunidades e isso fez a diferença», afirmou Azarenka.

Nos oitavos de final, a segunda cabeça de série em Flushing Meadows vai defrontar a sérvia Ana Ivanovic, 13.ª, que também teve de recuperar de uma desvantagem para derrotar a norte-americana Christina McHale, por 4-6, 7-5, 6-4.

A checa Petra Kvitova e a russa Svetlana Kuznetsova, antigas campeãs de torneios do Grand Slam, foram eliminadas, enquanto a eslovaca Daniela Hantuchova salvou quatro pontos de encontro para seguir em frente.

Com problemas de saúde, Kvitova, sétima favorita e campeã de Wimbledon em 2011, perdeu com a “wild card” Alison Riske, por 6-3, 6-0, com a norte-americana a defrontar na próxima ronda Hantuchova, que afastou a israelita Julia Glushko, por 3-6, 7-5, 7-6 (7-4).

Já Kuznetsova (27.ª favorite), que ganhou o US Open de 2004 e Roland Garros em 2009, perdeu por 7-5, 6-1 com a italiana Flavia Pennetta, que já tinha eliminado a compatriota Sara Errani, quarta favorita.

No quadro masculino, além de Nadal, também o espanhol David Ferrer, quarto favorito e finalista vencido em Roland Garros, seguiu em frente, ao derrotar o cazaque Mikhail Kukushkin, por 6-4, 6-3, 4-6, 6-4.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.