O tenista português Nuno Borges foi esta quinta-feira eliminado no torneio de Bordéus, ao perder em dois sets com o italiano Andrea Pellegrino, nos oitavos de final da prova francesa do circuito Challenger em terra batida.

Nuno Borges, 132.º no ranking mundial, foi batido de forma categórica por um tenista posicionado muitos lugares abaixo na hierarquia da ATP, na qual ocupa o 257.º lugar, proveniente da fase de qualificação, pelos parciais de 6-2 e 6-2, após 57 minutos de confronto.

O jogador português, que tinha vencido os dois encontros anteriores com Pellegrino, ambos em fevereiro de 2022, também em dois parciais, sofreu quebras de serviço no primeiro e último jogo de ambos os 'sets', terminando o encontro sem se impor uma única vez no serviço do adversário.

Nuno Borges, recente campeão de pares do Estoril Open, ao lado de Francisco Cabral (a primeira dupla portuguesa a conquistar o título), tinha eliminado na primeira ronda o compatriota Pedro Sousa, que também passou pelo 'qualifying' do torneio francês, por 6-3 e 7-6 (9-7).

O número dois português, de 25 anos, já conquistou dois títulos no circuito Challenger, em Antalya, na Turquia, em 2021, e em Barletta, em Itália, já este ano.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.