O britânico não ganhou para o susto quando viu o seu adversário, o holandês Robin Haase, número 41 do ranking mundial, vencer os dois primeiros sets: 6-7 (5-7) e 2-6.

Quando tudo parecia inclinado para uma derrota surpreendente do número 4 mundial, eis que Andy Murray encontrou o melhor de si e deu a volta ao resultado, vencendo os três sets seguintes pelos parciais de 6-2, 6-0 e 6-4, evitando a eliminação precoce do último Grand Slam da época.

Num encontro que teve a duração de três horas e meia, Murray garantiu desta forma um lugar no Masters de Londres, torneio que reúne os oito primeiros lugares do ranking ATP.

Na terceira ronda, Andy Murray medirá forças com o espanhol Feliciano Lopez, que venceu o jovem canadiano Vasek Pospisil.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.