O tenista suíço Roger Federer qualificou-se pela 15.ª vez, em 16 participações, para as meias-finais das ATP Finals, em Londres, ao bater o sul-africano Kevin Anderson na terceira jornada do Grupo B.

O número 2 mundial superou o sexto, que já entrou para o ‘court’ com as ‘meias’ garantidas, em dois ‘sets’, pelos parciais de 6-4 e 6-3, em uma hora e 18 minutos.

Com este triunfo, Federer venceu o agrupamento, pelo que disputará as meias-finais com o segundo classificado do Grupo A, evitando, previsivelmente, um prematuro confronto com o sérvio Novak Dkokovic, líder da hierarquia.

No primeiro encontro do dia, o austríaco Dominic Thiem superou o japonês Kei Nishikori - que havia batido Federer na estreia -, por 6-1 e 6-4, resultado que qualificou Anderson.

A fase de grupos completa-se na sexta-feira, com Djokovic a defrontar o croata Marin Cilic (uma vitória e uma derrota), depois de já ter batido o alemão Alexander Zverev (uma vitória e uma derrota) e o norte-americano John Isner (duas derrotas), que se defrontam no primeiro jogo do dia.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.