A tenista espanhola Carla Suarez Navarro tenta hoje, na final feminina do 24.º Portugal Open, vencer o título que lhe escapou há um ano, tendo pela frente à russa Anastasia Pavlyuchenkova.
Para a final de hoje, agendada para as 12:00, os números “inclinam” o troféu para Pavlyuchenkova, terceira cabeça de série e 19.ª da classificação mundial, que soma o pleno de vitórias nos quatro frente a frente com a espanhola, a mais recente alcançada o ano passado na ronda inaugural do torneio de Cincinnati, nos Estados Unidos.
Mas a vice-campeã de 2012 e quarta pré-designada, que se desforrou nas meias-finais da estoniana Kaia Kanepi, detentora do título, tem a vantagem de saber o que é jogar uma final no Jamor e parte com a ambição de ganhar mais um encontro do que na edição do ano passado.
Depois de conhecida a vencedora feminina, serão os homens a entrar em ação para se saber quem irá estar na final de domingo.
Na primeira meia-final, o “qualifier” Pablo Carreno-Busta tenta manter o estatuto de “outsider” da 24.ª edição do maior torneio português e provocar a surpresa do dia, eliminando Stanislas Wawrinka.
Semifinalista batido pelo vencedor final, o argentino Juan Martin del Potro, em 2012, o segundo cabeça de série e número 16 mundial procura avançar mais uma eliminatória para cumprir o objetivo de vencer o Portugal Open.
Na luta pelo “histórico” torneio português ainda estão também o espanhol David Ferrer e o italiano Andreas Seppi, respetivamente, primeiro e terceiro cabeças de série do evento.
O número quatro do ranking ATP quer ganhar uma competição que cresceu a ver, mas terá pela frente um combativo Seppi, vencedor de duras batalhas nesta edição.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.