O torneio Portugal Open vai realizar-se em 2015 devido à entrada em cena da Gestifute e do empresário, e ex-tenista, Benno van Veggel.

Segundo avança esta quarta-feira o diário A Bola, três empresas uniram esforços para garantir a realização do mítico torneio de ténis português. De acordo com o referido jornal, a garantia financeira da prova será dada à Associação dos Tenistas Profissionais (ATP) através da união de esforços de três empresas, das quais se destacam a Gestifute, empresa de Jorge Mendes que representa tenistas como João Sousa, Frederico Silva e Maria João Koehler, ou o futebolista Cristiano Ronaldo.

Ainda segundo o referido jornal, outro dos futuros mecenas do Portugal Open será o empresário holandês Benno van Veggel, antigo tenista e coproprietário do Racket Centre de Lisboa, para além da U-COM, a produtora televisiva que trabalha regularmente em torneios ATP.

Recorde-se que a organização do Portugal Open ficou comprometida depois de João Lagos ter admitido que a Lagos Sports, empresa que organizou o torneio nos últimos 25 anos, não tinha condições financeiras para organizar a prova no Jamor.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.