A tenista francesa Caroline Garcia qualificou-se, pela primeira vez na carreira, para o Masters feminino, de 22 a 29 de outubro, após a desistência da britânica Johanna Konta, por lesão, do torneio de Moscovo.

A entrada em Singapura de Garcia, nona no ‘ranking’ do circuito profissional feminino (WTA), fica garantida face à desistência de Konta, a única tenista que ainda lhe poderia tirar a vaga no maior torneio de final de época.

A francesa, de 23 anos, já disse, em declarações à página oficial do WTA, que este apuramento significa “o mundo” para ela.

"Estou muito orgulhosa de estar entre as oito melhores jogadoras da temporada. Ser a primeira francesa desde Mauresmo, em 2006, a qualificar-se para as finais, torna isto ainda mais especial”, disse a tenista.

A qualificação da francesa é a recompensa do seu bom momento neste final de temporada, ao vencer o torneio de Wuhan e, depois, o de Pequim.

No Masters de Singapura, Garcia junta-se a Garbiñe Muguruza, Karolina Pliskova, Simona Halep, Elina Svitolina, Venus Williams, Caroline Wozniacki e Jelena Ostapenko.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.