O tenista Pedro Sousa lamentou hoje ter deixado escapar o terceiro ‘set’ diante o norte-americano Mitchell Krueger na primeira ronda do Open dos Estados Unidos, que acabou por ditar a sua eliminação em Nova Iorque.

“No primeiro ‘set’ servi muito bem e acho que isso me deu muitos pontos de graça e tranquilidade para encarar os jogos de resposta. Depois tive de jogar mais pontos de fundo, ele começou a servir melhor, equilibrou o encontro e a balança caiu para o lado dele. Ainda assim, acho que a chave foi aquele terceiro ‘set’, que devia ter caído para o meu lado, mas infelizmente não foi possível”, afirmou o lisboeta, em declarações à agência Lusa, após a derrota por 3-6, 6-2, 7-5 e 6-3, em duas horas e 37 minutos.

Além de lembrar que “são coisas que acontecem no ténis”, ainda para mais a competir num piso em que não tem muitas rotinas, “depois de seis meses sem jogar”, o número dois português e 110.º colocado do ‘ranking’ mundial confessou-se “triste por ter perdido.”

“Mas no geral acho que foi um bom encontro. Tenho a lamentar só a forma como acabei por perder o terceiro ‘set’, depois de ter estado com um ‘break’ de vantagem. Acho que foi grande demérito da minha parte não ter aproveitado esse momento”, frisou Sousa.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.