Os tenistas portugueses Nuno Borges e Francisco Cabral garantiram um lugar no quadro principal de pares do torneio de Wimbledon, terceiro 'Grand Slam' de 2022, anunciou hoje a organização.

A dupla lusa vai fazer a sua estreia em pares em torneios do ‘Grand Slam’, com a organização a atualizar hoje a lista de entrada no quadro principal de pares masculinos, já com a presença dos tenistas portugueses.

Depois de ter falhado Roland Garros devido à desistência do dinamarquês Holger Rune, quando já tinham garantido o quadro principal, Francisco Cabral vai estrear-se no ‘Grand Slam’, enquanto Nuno Borges já jogou no torneio de singulares em Roland Garros, mas nunca em pares.

Para além da dupla lusa, que venceu este ano o Estoril Open, o quadro principal de pares em Wimbledon vai ter outro português, com João Sousa a fazer dupla com o tenista australiano Jordan Thompson.

Sousa vai ser o único português no quadro principal de singulares, depois de Nuno Borges ter perdido no jogo decisivo do 'qualifying' frente ao australiano Max Purcell.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.