A tenista dinamarquesa Caroline Wozniacki, número do ranking mundial, criticou hoje o comportamento do público durante o encontro com a porto-riquenha Monica Puig, da segunda eliminatória do torneio de Miami, nos Estados Unidos.

“Algumas pessoas que assistiram ao encontro nas bancadas ameaçaram de morte o meu pai e minha mãe e dirigiram-me insultos que não posso reproduzir”, denunciou Wozniacki nas redes sociais, que foi derrotada por Puig, número 82 do mundo, pelos parciais de 0-6, 6-4 e 6-4.

A dinamarquesa dirigiu-se várias vezes ao árbitro nos seus jogos de serviço, reclamando contra o barulho feito pelo público, que é considerado um dos mais entusiastas e indisciplinados co circuito, em especial quando está a competir uma jogadora hispânica.

“Os responsáveis pela segurança observaram o que se passou sem agir. Espero que os dirigentes do torneio de Miami encarem esta situação com a seriedade que tem, porque foi um exemplo horrível para as gerações mais jovens”, observou Wozniacki.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.