Tiago Morais está na 17.ª posição e é o melhor velejador português após as duas primeiras regatas do Mundial da Classe Laser Standard, que decorre até 10 de maio, em Boltenhagen, na Alemanha.

O velejador do Clube Naval de Leça foi a surpresa entre a equipa portuguesa ao marcar 14.º e 7.º nas duas regatas disputadas.

Gustavo Lima não abriu o campeonato da melhor forma, seguindo na 43.ª posição (marcou 16.º e 21.º), enquanto Rui Silveira é 53.º (10.º e 32.º).

Na prova alemã estão em disputa os últimos 12 lugares disponíveis para os Jogos Olímpicos de Londres 2012 e Portugal ainda não garantiu a presença na classe, apesar de já estar apurado em outras sete.

O vento fraco, a soprar entre os quatro e os sete nós, marcou a jornada de abertura do Mundial, criando dificuldades extra aos 168 velejadores presentes.

Luís Rocha, técnico que acompanha a equipa portuguesa, citado pela assessoria de imprensa da Federação Portuguesa de Vela, explicou que a prova está a ser disputada num lago e hoje foram notórias as diferenças de pressão no campo de regatas.

«O vento soprou sempre muito fraco. Para o Tiago esteve quase perfeito», acrescentou.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.