O italiano Francesco Bagnaia (Ducati) vai partir hoje da 'pole position' para o Grande Prémio do Algarve de MotoGP, 17.ª prova do Mundial de motociclismo de velocidade, enquanto Miguel Oliveira (KTM) vai arrancar do 17.º lugar.

'Pecco' conseguiu pela sexta vez na temporada ser o mais rápido na qualificação, a quinta consecutiva, ao bater o recorde do Autódromo Internacional do Algarve (AIA), em Portimão, onde, em MotoGP, sempre venceu quem partiu da 'pole position'.

A 'regra' foi instituída por Miguel Oliveira (KTM), vencedor na estreia do circuito, em 2020, que hoje vai partir do 17.º lugar, e pelo francês Fabio Quartararo, que já se sagrou campeão do mundo e conquistou a primeira passagem pela 'montanha-russa' algarvia em abril.

A primeira linha da grelha de partida vai ser completada pelo australiano Jack Miller (Ducati) e pelo espanhol Joan Mir (Suzuki), campeão do mundo em 2020, segundo e terceiro classificados, respetivamente, ambos à frente de Quartararo, que vai partir do sétimo lugar da grelha.

Além das 21 voltas ao AIA da corrida da categoria 'rainha' vão estar em disputa as categorias secundárias do Mundial, ainda com os títulos de pilotos por atribuir.

O australiano Remy Gardner (Kalex) pode sagrar-se campeão de Moto2, caso vença a corrida marcada para as 14:30 e o espanhol Raúl Fernandez (Kalex) fique abaixo do segundo lugar, enquanto, em Moto3, o espanhol Pedro Acosta (KTM) torna-se no primeiro estreante a sagrar-se campeão da classe mais baixa desde o italiano Loris Capirossi em 1990 se vencer a prova agendada para as 11:20.

Os campeonatos do mundo vão terminar em Valência, em Espanha, no dia 14 de novembro.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.