O presidente da Federação Internacional de Motociclismo (FIM), o português Jorge Viegas, acredita que o piloto Miguel Oliveira (KTM) vai continuar no Mundial de MotoGP no próximo ano pois “é um piloto apetecível”.

No entanto, Jorge Viegas acredita na continuidade do piloto português no Campeonato do Mundo de Velocidade em motociclismo.

“A única coisa que sei é que não tem problema nenhum em continuar, seja na KTM ou noutra marca, porque é um piloto apetecível, um bom afinador de motas e, como pessoa, é adorável”, disse Jorge Viegas à agência Lusa, em Portimão, onde este domingo se disputa a quinta jornada do campeonato, no Autódromo Internacional do Algarve (AIA).

Por isso, o presidente da entidade que superintende o motociclismo mundial diz não estar “nada preocupado com o futuro desportivo do Miguel [Oliveira]”.

Sobre o GP de Portugal, Jorge Viegas revela que a prova se deverá repetir em 2023, apesar de o contrato com a Dorna (empresa promotora do Mundial) prever três corridas ao longo de cinco anos, numa perspetiva de alternância com outro circuito espanhol.

“Em princípio, no próximo ano vai-se manter. Este ano, se tudo correr bem, vamos ter um recorde de Grandes Prémios (21) [no calendário mundial]. Talvez no próximo ano haja 22, mas ainda não está decidido. Esse será o limite”, frisou o presidente da FIM.

Viegas sublinha, ainda, que “toda a gente gosta deste circuito, desta envolvência”.

“É um circuito muito diferente dos outros e os pilotos gostam. Depois, há condições financeiras para manter a prova e espero que o GP de Portugal continue por muitos e bons anos. O que puder contribuir para que isso aconteça, obviamente que o farei”, concluiu o presidente da Federação Internacional de Motociclismo.

O Autódromo Internacional do Algarve acolhe este domingo as corridas do GP de Portugal do Mundial de Velocidade, quinta prova da temporada, nas categorias de MotoGP (onde milita o português Miguel Oliveira), Moto2 e Moto3.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.