Jorge Viegas, o presidente da Federação Internacional do Motociclismo, garantiu, esta segunda-feira, em declarações à Lusa, que Miguel Oliveira tem o seu lugar assegurado no Mundial de MotoGP, com a Aprilia. Em causa está a exclusão da RNF da próxima temporada devido às "repetidas infrações e quebras do acordo de participação, que afetam a imagem pública do MotoGP".

"Há que separar completamente a situação do Miguel Oliveira da situação da equipa [RNF CryptoData]. O Miguel Oliveira tem contrato com a Aprilia e vai continuar. As pessoas que vão estar numa equipa independente [satélite] da Aprilia é que vão ser outras", esclareceu o português à Agência Lusa.

O presidente da FIM avançou ainda que a situação da RNF "não vai voltar atrás" e que pode ser resolvida "de forma amigável ou não", isto é, com recurso aos tribunais. "Há versões diferentes. A RNF diz que não deve nada, a IRTA [associação de equipas] diz que eles têm dívidas. Já falei com os dois lados e o assunto deverá ser resolvido".

Quanto ao piloto português deixou também uma certeza: "O Miguel Oliveira está tranquilo, vai ter novo diretor e a equipa vai ter outro nome".

O presidente da Federação Internacional do Motociclismo adiantou ainda que a nova equipa ligada à Aprilia terá "capital norte-americano".

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.