Do total de 1.142 resultados recebidos dos laboratórios de virologia, aquele ministério cabo-verdiano avançou que se somam 57 casos novos positivos de infeção pelo novo coronavírus, numa taxa de positividade de 5%.

Na ilha de Santiago, há mais 14 novos casos, distribuídos pelos concelhos da Praia (8), Santa Cruz e São Lourenço dos Órgãos, com dois cada, e um cada em São Domingos e Santa Catarina, enquanto o Fogo tem também 14, sendo 10 em São Filipe, três nos Mosteiros e um em Santa Catarina.

Os restantes infetados foram diagnosticados no Maio (oito), São Vicente (13), Boa Vista (três), Brava (um) e Santo Antão (quatro), sendo três no Paul e um no Porto Novo.

Nas últimas 24 horas, as autoridades de saúde não registaram qualquer óbito provocado pela doença, mas deram alta a mais 47 pessoas, aumentando para 32.617 os casos recuperados desde o início da pandemia.

Cabo Verde, que ainda está em estado de calamidade, aumentou para 33.452 os casos positivos acumulados no país desde o início da pandemia, dos quais 297 resultaram em morte e há a contabilizar 518 casos ativos, 11 óbitos por outras causas e 9 transferidos.

A pandemia de covid-19 provocou pelo menos 4.128.543 mortos em todo o mundo, entre mais de 191,9 milhões de casos de infeção pelo novo coronavírus, segundo o balanço mais recente da agência France-Presse.

A doença respiratória é provocada pelo coronavírus SARS-CoV-2, detetado no final de 2019 em Wuhan, cidade do centro da China, e atualmente com variantes identificadas em países como o Reino Unido, Índia, África do Sul, Brasil e Peru.

RIPE // VM

Lusa/Fim

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.