O Paços de Ferreira conquistou hoje o 44.º Troféu Cidade de Valladolid em futebol, ao vencer aquela formação espanhola nos pontapés da marca de grande penalidade por 5-4, em jogo disputado no estádio José Zorrilla.

O jogo que opôs a equipa pacense, da principal liga portuguesa de futebol, e o Valladolid, do segundo escalão espanhol, chegou empatado (0-0) ao final do tempo regulamentar, tendo a decisão seguido para os penáltis, mas somente no 10.º e último remate foi encontrado o vencedor.

O Paços marcou primeiro e concretizou todas as penalidades (por Pedrinho, Luiz Phellype, Gian, Medeiros e Mateus), tendo o Valladolid, vencedor nas últimas três edições, falhado o último penálti, com um remate ao 'ferro', oferecendo a vitória aos pacenses.

A vitória do Paços estabelece um feito nas participações de equipas lusas nesta prova, após participações sem vitória na década de 70 do século passado de Vitória de Setúbal (1974), Belenenses (75), Boavista (76) e Vitória de Guimarães (79).

Este troféu começou a disputar-se no verão de 1972 e teve no Grémio de Porto Alegre, do Brasil, a primeira equipa a conquistar a competição, num registo favorável ao Valladolid, vencedor em 23 ocasiões.

O convite para a participação do Paços neste troféu surgiu por ocasião da transferência de André Leão, vencedor da competição pelo quarto ano consecutivo, três pelo Valladolid e agora pela formação pacense.

De regresso ao Estádio José Zorrilla, André Leão foi, aliás, um dos jogadores mais ovacionados da noite, alinhando num 'onze' com algumas alterações.

O Paços jogou de início com Rafael Defendi na baliza, uma defesa formada por Francisco Afonso e Bruno Santos nos corredores laterais, com Dylan McGowan e Miguel Vieira no eixo, um meio campo formado por André Leão, Gian e André Leal, em apoio a Xavier, Welthon e Luiz Phellype.

Jogaram ainda Roger, Pedro Marques, Raul, todos 'resgatados' à equipa B, Pedrinho e Medeiros. Mário Felgueiras foi o único elemento a não ser utilizado pelo técnico Vasco Seabra, que 'poupou' Vasco Rocha e Bruno Moreira.

Marco Ribeiro, João Góis, Filipe Ferreira e Quiñones continuam lesionados e ficaram em Paços de Ferreira.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.