Os jogos serviram para “detetar”algumas debilidades e limar arestas, tendo em vista uma boa participação no campeonato de apuramento para a primeira divisão nacional “segundona”, que se inicia no dia dez deste mês.

Em declarações hoje à Angop, no final do jogo com a velha-guarda do Luena, em que a sua equipa venceu por (1-0), o técnico João Pintar disse estar em agenda mais jogos com formações locais.

Despromovido em 2015, na fina flor do futebol angolano (Girabola), o FC Bravos do Maquis, figura no grupo B, com as equipas Jackson Garcia (Benguela), Jota GM (Huambo), Casa Militar (Cuando-Cubango) e o Polivalente (Cuanza-Sul). Na primeira jornada a equipa do Moxico folga por imperativo do calendário.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.