O jogo de preparação entre a Guiné Conacri e a Gâmbia, agendado para terça-feira, em Albufeira, no Algarve, foi hoje cancelado, após a federação de futebol guineense ter confirmado a existência de casos positivo de covid-19.

“Com vários jogadores com testes positivos e casos de lesão, a seleção tem menos de 11 jogadores disponíveis, incluindo um único guarda-redes. Isso impede que se jogue este amigável contra a Gâmbia”, refere a federação da Guiné Conacri no seu sítio.

De acordo com o diretor desportivo da seleção guineense, Aly Kader Touré, “apenas nove jogadores estão disponíveis”, pelo que o jogo de terça-feira com a Gâmbia, previsto para o Estádio Municipal de Albufeira, teve de ser cancelado.

A Guiné Conacri, a retomar a preparação para a fase de apuramento para a CAN (Taça das Nações Africanas), suspensa devido à pandemia de covid-19, venceu no sábado a seleção de Cabo Verde, por 2-1, em encontro particular disputado em Albufeira.

Após disputadas duas jornadas, a seleção da Guiné Conacri lidera o grupo A, com os mesmos quatro pontos do Mali, seguidos pela Namíbia, com três, e Chade, ainda sem qualquer ponto.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.