É mais uma história insólita que nos chega diretamente do campeonato escocês. Paul McGown, jogador do Dundee United, jogou com uma pulseira eletrónica no encontro frente ao St. Mirren, em partida da 1ª jornada da liga escocesa.

O jogador de 30 anos tem tido vários problemas com a justiça nos últimos anos e escapou à detenção depois de ter admitido ter cuspido num segurança à saída de uma discoteca, no passado mês de maio.

Nos últimos cinco anos, envolveu-se num ataque a dois polícias e foi condenado a pagar uma multa e a 200 horas de trabalho comunitário.

O dispositivo electrónico pôde ser visto claramente dentro da sua meia. McGowan jogou 87 minutos frente ao St. Mirren antes de ser substituído.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.