A seleção de futebol da Coreia do Sul voltou hoje, quase dez meses depois, a sofrer uma derrota sob o comando de Paulo Bento, ao perder com o Brasil por 3-0, em jogo particular disputado em Abu Dhabi.

Desde que chegou à seleção sul-coreana, em agosto de 2018, Paulo Bento apenas tinha perdido em janeiro deste ano, eliminado pelo Qatar (1-0) nos quartos de final da Taça Asiática, registando um total de 13 vitórias e oito empates.

Em contraponto, a seleção ‘canarinha’, orientada por Tite, não vencia há cinco jogos, desde a conquista da Copa América no final de julho (3-1 ao Peru) e na última sexta-feira foi muito criticada após a derrota com a eterna rival Argentina (1-0).

Hoje, nos Emirados Árabes Unidos, o jogo tornou-se fácil para o Brasil, que aos nove minutos já vencia, com um golo de Lucas Paquetá, a cruzamento de Renan Lodi. Ainda antes do intervalo, Philippe Coutinho fez o 2-0, aos 36.

Na segunda parte, houve tempo para o Brasil voltar a marcar, com o ex-portista Danilo a rematar forte de fora de área, fixando o resultado em 3-0, aos 60 minutos.

Este foi o sexto jogo entre Brasil e Coreia do Sul, todos particulares, e a vitória mais expressiva dos sul-americanos, que contabilizam cinco triunfos e uma derrota, esta há 20 anos, em 1999.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.