Franck Ribéry poderá abrir uma nova guerra no mercado de transferências, desta feita entre Real Madrid e Chelsea. Os merengues já gastaram mais de 200 milhões de euros mas ainda pensam em reforços e o jogador gaulês é o alvo preferencial. A influência de Zidane - conselheiro de Florentino Pérez - tem sido decisiva no assédio mas um eventual negócio permanece em 'stand-by'. As relações entre bávaros e espanhóis já esteve muito tensa e crispada, mas o ambiente parece ter serenado com a transferência de Robben para a Baviera.

No entanto, o Chelsea poderá frustrar os planos do Real. O milionário russo Roman Abramovich quer apetrechar ainda mais a equipa treinada por Carlo Ancelotti e, segundo a France Football, vai fazer uma proposta de 65 milhões de euros.

Ribéry já mostrou vontade de sair, mas o técnico do Bayern, Louis Van Gaal, não parece disposto a abdicar do internacional gaulês.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.