O plantel do Gil Vicente iniciou hoje os treinos com vista à nova temporada ainda sem que se saiba se vai disputar a I Liga de futebol ou o segundo escalão, uma indefinição que “torna as coisas mais complicadas” para ao treinador Álvaro Magalhães.

“Esta situação já deveria estar resolvida há muito tempo, mas nós vamos trabalhar e lutar contra isto tudo. Esta instituição merece mais respeito”, afirmou o novo técnico da equipa de Barcelos, acrescentando que, “para quem gosta de trabalhar bem e com organização, esta indefinição é prejudicial”.

O Tribunal Administrativo de Lisboa determinou que o Gil Vicente deveria ser reintegrado na I Liga, 10 anos depois de uma despromoção na ‘secretaria’ no âmbito do ‘caso Mateus’, mas viu o regresso adiado em assembleia geral da Liga de clubes, até que a decisão transite em julgado, depois de o Belenenses ter apresentado um recurso.

“Se fosse para jogar na II Liga, a época já devia ter começado há uma semana, mas começámos mais tarde convencidos de que o Gil Vicente vai ser integrado na I Liga, mas ainda não se sabe. Tudo isto complica a vida, não só a treinadores e jogadores, mas também aos dirigentes e adeptos”, explicou.

Relativamente às perspetivas, Álvaro Magalhães diz querer uma equipa forte, equilibrada e consistente, que resulte da avaliação que está a fazer dos jogadores que estão no grupo e dos que vão chegar.

No primeiro apronto estiveram presentes 23 jogadores, incluindo os quatro reforços recentemente anunciados: o guarda-redes Omar Santos (ex-Bragantino, Bra), o defesa central Yan Victor (ex-Bahia, Bra), o médio Arthur Rezende (ex-Goiás, Bra) e o defesa Daniel Vançan (ex-Cruzeiro, Bra). Além destes, treinaram os dois nigerianos que o clube adquiriu no final da época passada: Zeldu Sanusi e Collins Nonso.

Peck’s, Vagner e Platiny, que têm contrato com o clube, estiveram ausentes.

Plantel provisório do Gil Vicente para 2016/17:

- Guarda-redes: Omar Santos (ex-Bragantino, Bra), Ivan Cruz, Júlio Neiva e Tiago Maia (ex-júnior).

- Defesas: Bruno Silva, Sandro Costa, Kiki, Yan Victor (ex-Bahia, Bra), Daniel Vançan (ex-Cruzeiro, Bra), Peck’s, Ricardinho, Pedro Lemos, Zeidu Sanusi e Henrique (ex-júnior)

- Médios: Arthur Resende (ex-Goiás, Bra), Platiny, Nani, Alphonse, Yeo e Collins Nonso.

- Avançados: Paulinho, João Pedro, Goba, Avto, Vagner e Jonathan.

Treinador: Álvaro Magalhães.

Saíram: Serginho (Santa Clara), Simi (Portimonense), Vítor Gonçalves (Nacional), André Soares (Vilafranquense), Renan (FK Kapaz, Aze), Cadú, Djamal, Yartey e Pedro Galvão.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.