Os jogadores do Vizela, clube que sete anos depois da última participação regressou à II Liga portuguesa de futebol, apontaram hoje como objetivo para a época 2016/17 "conseguir a manutenção o mais rapidamente possível".

"Será um campeonato muito difícil, muito exigente. O objetivo é a manutenção. Sabemos que este é um patamar acima e que a competitividade aumenta, mas temos de estar preparados", referiu aos jornalistas o capitão do Vizela Ferraz.

O médio, de 29 anos, cumpre a quinta época no clube vizelense e vai estrear-se como jogador profissional, algo que diz encarar "com entusiasmo" e também com "sentido de responsabilidade".

Já o guarda-redes Paulo Ribeiro, de 32 anos, que alinhou na última época no Desportivo de Chaves, regressa ao Vizela, clube no qual jogou em 2009/10.

"São objetivos diferentes [referindo-se ao anterior clube que subiu à I Liga], mas igualmente desafiante e importante. Estou aqui para ajudar a equipa a conseguir uma manutenção tranquila", disse o guarda-redes.

Paulo Ribeiro destacou hoje - dia em que o Vizela regressou aos trabalhos com cinco 'reforços', 15 jogadores da última época e quatro juniores - o facto de a equipa ter "uma mistura de experiência e juventude", mas, sobretudo, apontou que "a maior parte conhece-se bem", pelo que existem "boas perspectivas de entrosamento".

Formado nas escolas do Sporting de Braga, o defesa Dani Coelho, de 26 anos, chega a Vizela vindo do Cluj, da Roménia, com a ambição de "fazer um campeonato o mais tranquilo possível" e a certeza de que "avançar ou tentar surpresas só depois de garantida a manutenção".

"É um regresso a Portugal depois de uma experiência internacional em que tive dificuldades. Até conquistei uma taça com a equipa, mas quis voltar e o Vizela pareceu-me uma opção desafiante", descreveu Dani Coelho.

O Vizela arrancou a preparação para a II Liga, mas o plantel ainda não está fechado, como admitiu o treinador Ricardo Soares, que transita da época passada.

Os vizelenses vão treinar em campos emprestados, uma vez que o estádio terá de sofrer obras para cumprir os regulamentos oficiais e estão seis jogos-treino agendados, sendo o primeiro a 13 de julho, na Póvoa de Varzim, e o último em local a definir contra o Vilaverdense, a 27.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.