O médio Afonso Sousa salientou hoje que os golos frente ao Liechtenstein, para a fase de qualificação para o Euro2023 de futebol na categoria sub-21, vão surgir por “acréscimo” se Portugal se “focar” em apresentar o seu futebol.

A equipa das ‘quinas’ recebe a formação dos Alpes às 20:15 de quinta-feira, no Estádio do Futebol Clube de Vizela, em partida referente ao Grupo 4, e o jogador de 21 anos vincou que os 23 jogadores às ordens do selecionador Rui Jorge precisam de se concentrar nas suas “ideias” para confirmar o estatuto de “favoritos”.

“Não vamos estar aqui a mentir. Com o respeito máximo pelo adversário, somos favoritos. O Liechtenstein pode criar as suas dificuldades, mas vamo-nos focar mais em nós (...) O mais importante é apresentarmos o nosso futebol. Se assim for, os golos surgirão por acréscimo”, disse, na conferência de imprensa que antecedeu o treino vespertino de hoje, na unidade hoteleira de Guimarães, onde o grupo está concentrado.

Convicto de que Portugal vai somar os três pontos se não “facilitar em nenhum momento” e estiver no “melhor das suas capacidades”, Afonso Sousa vincou que o estágio em curso é “importante” para se “criarem novas rotinas e para os jogadores se “conhecerem um bocadinho melhor dentro e fora de campo”.

Com 39 jogos na I Liga portuguesa de futebol desde a época passada, ao serviço do Belenenses SAD, o médio ofensivo admitiu que a chamada à seleção é mais uma oportunidade para “trabalhar o máximo e ajudar a equipa”, apesar de não ter saído do banco de suplentes no primeiro ‘compromisso’ do grupo, frente à Bielorrússia, em 06 de setembro, na Amadora – triunfo luso por 1-0.

O jogador formado no Beira-Mar, Gafanha e FC Porto sublinhou também que a presença de alguns elementos do Euro2021, no qual Portugal atingiu a final – perdeu 1-0 com a Alemanha – ajudam os atletas menos experientes a sentirem-se “cada vez mais entrosados” com “aquilo que o treinador quer” e “com a experiência de jogar a qualificação”.

Portugal, vice-campeão europeu de sub-21 e quarto classificado do Grupo 4, com três pontos, num jogo, recebe o Liechtenstein às 20:15 de quinta-feira, em Vizela, e defronta a Islândia a 12 de outubro, em Reiquiavique, capital do país nórdico.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.