Daniel Podence afirmou que Portugal não teve a sorte que Espanha teve no jogo da fase de grupos do Campeonato da Europa de sub-21. Na zona de entrevistas rápidas, o avançado do Sporting reiterou que acredita que Portugal foi mais forte, mas menos feliz do que os adversários.

“Espanha teve a felicidade que nós não tivemos. Foi um dia menos bom para nós. Equilibrámos muito bem o jogo e acho que fomos mais fortes, mas também mais infelizes.

Sobre a Macedónia, o jovem do Sporting disse que é apenas mais um jogo para ganhar, tal como seria se Portugal já estivesse apurado.

“Independentemente do resultado teríamos de ganhar porque jogamos sempre para ganhar. Esperemos ganhar o jogo e fazer uma grande partida para conseguirmos o apuramento, mas isso são contas para depois”

Sobre o facto de ter sido substituído no decorrer do encontro, Podence disse que compreende e respeita a decisão do técnico e deixou elogios à qualidade do grupo que Rui Jorge tem à sua disposição.

“A Substituição é normal. São escolhas do Mister Rui Jorge. Não levo a mal nem tenho de levar. Há jogadores tao bons ou melhor do que eu no banco de suplentes. Temos de aceitar e trabalhar para o melhor”.

Sobre a possibilidade de vir a ser colega de equipa de Bruno Fernandes no Sporting, Daniel Podence disse que era uma boa decisão para a equipa.

“É um grande jogador, um grande capitão neste nosso grupo. Se pudesse vir a jogar connosco era bom”.

Portugal perdeu com a Espanha por 3-1 na segunda jornada da fase de grupos do Campeonato da Europa de Sub-21. A equipa espanhola segue para as meias-finais enquanto Portugal vai ter de lutar pelo apuramento contra a Macedónia numa situação onde mesmo a vitória pode não chegar.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.