A época do Chelsea tem sido marcada por uma série de contratempos no que toca a lesões e são vários os jogadores que vão voltar a não poder dar o seu contributo à equipa no embate desta terça-feira com o Liverpool, a contar para os oitavos de final da Taça de Inglaterra.

Na antevisão do encontro, o treinador dos londrinos, Frank Lampard, lamentou a situação. "Há alguns jogadores, como Antonio Rudiger que ainda não estão no seu melhor depois de lesões sofridas no último ano. A juntar a isso, Andreas Christensen está a contas com um problema que o deve afastar do encontro e, depois, não vamos ter Tammy Abraham, Pulisic, Hudson-Odoi e Kanté", lembrou o técnico do Chelsea.

Sobre o encontro propriamente dito, o Liverpool perdeu pela primeira vez na Premier League inglesa esta temporada no passado fim de semana, batido pelo Watford, mas Lampard salienta que embora isso mostre que os 'reds' não são imbatíveis, estes estão a realizar uma "temporada incrível".

"Mostraram que são humanos no último jogo, mas têm uma equipa muito forte e têm estado um patamar acima de toda a gente esta temporada. Teremos de estar ao nosso melhor nível. A Taça de Inglaterra é uma grande competição e este jogo vai ter uma atmosfera especial, por ir ser jogado à noite, a meio da semana, e defrontar o Liverpool traz sempre uma motivação especial", acrescentou Lampard.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.