O Manchester United, comandado por José Mourinho, tornou-se hoje no primeiro finalista da Taça de Inglaterra em futebol, após dar a volta ao resultado e vencer o Tottenham por 2-1, no Estádio de Wembley, em Londres.

Os ‘red devils’, que domingo saberão se na final de 19 de maio vão defrontar o Chelsea ou o Southampton, praticamente começaram o jogo em desvantagem, com golo do avançado Dele Alli (11 minutos), mas deram a volta com tentos do avançado chileno Alexis Sánchez (24) e do médio espanhol Ander Herrera (62).

Mais soltos e ousados, os ‘spurs’ começaram melhor o encontro e rapidamente se viram na frenre, na sequência de um lançamento longo para o dinamarquês Eriksen, que, sem oposição, cruzou para a finalização certeira de Alli, também sem pressão, ao segundo poste.

O Manchester United deixava jogar, mas, quando decidiu pressionar alto, Pogba conquistou a bola na lateral ofensiva e centrou para o cabeceamento de Alexis Sanchez, que dava o empate.

O domínio repartido justificava a igualdade ao intervalo, mas, segundos antes do descanso, o ex-sportinguista Dier atirou, de fora da área, à base do poste do Manchester United, depois da bola desviar em Smalling e enganar De Gea.

No segundo tempo, o Manchester United concedeu muito menos espaços ao Tottenham e acabou por marcar, num lance algo confuso que culminou com a bola a ficar solta no limite da área onde apareceu Herrera a atirar para golo.

Mais experientes, os ‘red devils’ foram uma equipa mais compacta e consistente e não vacilaram até ao fim, esperando agora pelo adversário que será o único obstáculo rumo ao único título que a equipa pode conquistar esta época.

Esta será a 20.ª final da Taça de Inglaterra para o Manchester United, que conquistou o troféu por 12 vezes, a última das quais na época 2015/16. Em caso de vitória, os 'red devils' igualam o recorde de triunfos, que pertence ao Arsenal.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.