A Argentina conquistou na sexta-feira um lugar no Mundial feminino de 2023, ao bater o Paraguai por 3-1 no jogo de atribuição do terceiro lugar da Copa América, disputado na cidade colombiana de Armênia.

As paraguaias marcaram primeiro, aos 39 minutos, graças a um autogolo de Romina Núñez, mas, na parte final do encontro, a formação ‘albi-celeste’ marcou três golos.

Yamila Rodríguez restabeleceu a igualdade aos 78 minutos, assistida por Sole Jaimes, e, em ‘cima’ dos 90, Florência Bonsegundo selou a reviravolta.

Quase de imediato, aos 90+1 minutos, Yamila Rodríguez, avançada de 24 anos do Boca Juniors, ainda apontou o terceiro golo da Argentina e o seu sexto na prova, isolando-se na liderança dos marcadores. A brasileira Adriana Maga tem cinco.

Com este triunfo, a Argentina junta-se no Mundial de 2023, que se realiza na Austrália e Nova Zelândia, de 20 de julho a 20 de agosto, a Brasil e Colômbia, que hoje (01:00 de domingo, em Lisboa) disputam a final da prova, em Bucaramanga.

As brasileiras procuram o oitavo título, em nove edições, depois dos triunfos em 1991, 1995, 1998, 2003, 2010, 2014 e 2018, sendo que só não ganharam em 2006, ano em que triunfou a Argentina. As colombianas foram segundas em 2010 e 2014.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.