O Manchester United, atual detentor do título, apurou-se hoje para os quartos de final da Taça da Liga inglesa de futebol, enquanto o Wolverhampton, de Nuno Espírito Santo, levou o Manchester City a penáltis, mas acabou eliminado.

No País de Gales, os ‘red devils’, comandados pelo português José Mourinho, venceram por 2-0 o Swansea City, que não contou com o médio Renato Sanches.

Com o guarda-redes Joel Pereira como suplente não utilizado, Lingard fez os dois golos da partida, aos 21 e 59 minutos.

Em Manchester, o Wolverhampton, com Helder Costa e Vinagre no ‘onze’ inicial e Ivan Cavaleiro a entrar na segunda parte, o Manchester City, que contou com Bernardo Silva na equipa titular, superiorizou-se apenas nos penáltis (4-1), depois de um 0-0 no tempo regulamentar e prolongamento.

Noutro dos embates da quarta ronda, o Arsenal necessitou do prolongamento para bater em casa o Norwich, do segundo escalão, com Nelson Oliveira e Ivo Pinto a titulares nos forasteiros. Murphy colocou a formação do 'Championship' na frente, aos 34 minutos, mas Nketiah levou a decisão para tempo extra, as 85.

Destaque ainda para o Bristol City, da segunda divisão, que eliminou o Crystal Palace, da 'Premier League', com uma goleada por 4-1.

O Leicester City, que ainda não pode contar com Adrien, recebeu e bateu o Leeds United, por 3-1, com destaque para o argelino Islam Slimani, ex-Sporting, que fez o segundo tento dos ‘foxes’.

O Bournemouth bateu em casa o Middlesbrough, por 3-1, e também se apurou para os ‘quartos’.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.