A futebolista internacional portuguesa Ana Borges revelou hoje que a seleção feminina tem “vontade” de resolver já em Helsínquia o apuramento para o Europeu de 2022, e não esperar pelo último jogo.

“A nossa vontade é resolver tudo no primeiro jogo”, referiu a jogadora do Sporting em relação ao embate com a Finlândia, seleção que lidera em igualdade de pontos com Portugal o grupo E de apuramento, a duas jornadas do final.

Um triunfo em Helsínquia, no jogo agendado para 19 de fevereiro, deixaria a seleção das ‘quinas’ como vencedora do grupo, independentemente do último jogo, com a Escócia, face ao empate entre Portugal e Finlândia no jogo em casa.

"Estamos muito motivadas, porque sabemos que estamos a apenas um passo de concretizar o objetivo: a segunda qualificação da nossa história", disse ainda Ana Borges em declarações à assessoria da Federação Portuguesa de Futebol, lembrando o apuramento para o Euro2017, nos Países Baixos.

Nessa campanha de qualificação, Portugal chegou ao Europeu através do ‘play-off’, no qual eliminou a Roménia, e neste momento tem 16 pontos no grupo E, mais três do que os garantidos na qualificação anterior.

"Somos 26 jogadoras portuguesas neste estágio, mas representamos muitas que trabalham diariamente para fazerem crescer o futebol feminino em Portugal. Por elas e por nós, queremos muito chegar outra vez ao Europeu", sublinhou.

Após o jogo com a Finlândia, Portugal defrontará a Escócia em 23 de fevereiro, em Larnaca, no Chipre, num terreno neutro tendo em conta as limitações de viagens de e para o Reino Unido, devido à pandemia da covid-19.

Para o Europeu, que decorrerá em 2022 em Inglaterra, apuram-se diretamente as seleções vencedoras dos nove grupos, mais as três segundas melhores, enquanto as restantes seis irão disputar um ‘play-off’ para mais três vagas, em abril.

Confirmadas na fase final, já estão Bélgica, Dinamarca, Alemanha, França, Islândia, Países Baixos (campeãs em título), Noruega, Suécia e a anfitriã Inglaterra, enquanto que nos ‘play-offs’ são já três as seleções: a Irlanda do Norte, a Rússia e a Ucrânia.

As seleções de Portugal, Finlândia, Polónia e Espanha têm ainda possibilidade de se qualificarem no primeiro lugar dos respetivos grupos.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.