O incidente teve lugar depois de um jogo de futebol amador em França entre o Terville e o Soetrich, em novembro último. Um futebolista foi suspenso por cinco anos depois de morder o pénis de um adversário num desentendimento no parque de estacionamento; a vítima teve de ser suturada com dez pontos.

A discussão entre os dois atletas começou no parque de estacionamento já fora do estádio. Um jogador do Terville tentou colocar água na fervura, mas o jogador do Soetrich não reagiu bem e respondeu com uma violenta mordidela nas 'partes baixas' do 'bom samaritano', que acabou por ter de ser transportado ao hospital, onde foi suturado com dez pontos no seu pénis, conta a imprensa francesa.

A vítima teve ainda de ficar quatro dias sem trabalhar em virtude daquele ataque. Um porta-voz da Associação de Futebol de Mosellan, Emmanuel Saling, explicou melhor a situação.

"Os eventos tiveram lugar depois do jogo, no parque de estacionamento do estádio. Houve um desentendimento, a discussão escalou e a situação piorou. É raro ver-se a aplicação de sanções que se estendam por vários anos. Há uma média de menos de dez por ano", salientou.

"A tensão deve ter sido grande, pelo que, apesar do insólito da situação, os sorrisos dentro do nosso comité disciplinar depressa passaram a rostos sérios", sublinhou o porta-voz.

A vítima da violenta mordidela, contudo, não escapou a um castigo e foi castigada por seis meses, indiciando que também não terá agido de forma totalmente inocente durante a discussão, acrescenta a imprensa francesa.

O Terville, clube do agressor, foi ainda multado em cerca de 200 euros penalizado com a subtracção de dois pontos por não conseguir controlar os seus jogadores.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.