O suíço Bernard Challands foi hoje despedido do cargo de selecionador de futebol do Kosovo, na sequência das recentes derrotas com Suécia e Geórgia, em jogos da zona europeia de apuramento para o Mundial2022.

“Em linha com os nossos objetivos, concordámos em terminar a colaboração com o treinador”, disse o presidente da Federação de Futebol do Kosovo, Agim Ademi, um dia após a derrota em casa com a Geórgia, por 2-1.

O Kosovo integra o grupo B de qualificação para o Mundial de futebol de 2022, no qual ocupa a quinta e última posição, com os mesmos quatro pontos da Geórgia, que venceu fora (1-0) e perdeu, agora, em casa.

O grupo é liderado pela Suécia, com 15 pontos, seguida da Espanha, com 13, e da Grécia, com nove, todas com seis jogos, enquanto Kosovo e Geórgia têm sete jogos, tendo apenas mais um para disputar.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.