O Benfica de Luanda venceu hoje o Progresso do Sambizanga, um dérbi da capital angolana, por 2-1, mantendo-se na perseguição ao Recreativo do Libolo, líder isolado do campeonato angolano de futebol ao fim de 18 jornadas.

No Calulo, na província do Cuanza Sul, o Recreativo do Libolo confirmou as facilidades que se perspetivavam no jogo de sábado, vencendo o ‘aflito’ Desportivo da Huíla por 5-1, com dois golos de Fredy e Diawara, ex-jogadores do Belenenses.

Com este resultado, o português João Paulo Costa soma por vitórias os três jogos que realizou à frente do comando técnico do líder e campeão do ‘Girabola’ de 2014.

Em Luanda, o Benfica da capital, segundo classificado, venceu o Progresso do Sambizanga por 2-1, numa partida marcada por longos minutos de emoção, depois de o capitão das ‘águias’, Gilberto, ter caído inanimado na sequência de um choque com um adversário, tendo necessitado de manobras de reanimação no relvado.

O internacional angolano foi retirado do estádio e transportado para um hospital da capital, tendo sofrido um traumatismo craniano, encontrando-se, segundo indicação médica, fora de perigo.

A partida, que levava então 29 minutos da primeira parte, foi reatada ao fim de 25 minutos, com o Benfica de Luanda a abrir o marcador pouco depois, por intermédio de Gomito, surgindo os restantes golos (um por cada lado) na segunda parte.

Com a possibilidade de recuperar o título nacional de futebol conquistado em 2013 cada vez mais distante, o Kabuscorp do Palanca teve vida complicada na deslocação deste domingo à província de Benguela.

A turma da Académica do Lobito abriu o marcador ainda na primeira parte e só no final dos 45 minutos é que o Kabuscorp conseguiu iniciar a recuperação, através de Evandro.

A equipa de Luanda resolveu a partida a meio da segunda parte, com o 2-1 final (bis de Evandro), deixando a Académica do Lobito com a permanência no ‘Girabola’ cada vez mais ameaçada.

Ainda no domingo, o Recreativo da Caála levou um minuto para inaugurar o marcador, por intermédio de Landri, na receção ao Domant FC, resultado (1-0) que conseguiu aguentar até final da partida.

Num dos ´varios dérbis de Luanda, o Interclube recebeu e venceu o Petro, por 1-0, permitindo à equipa dos ?polícias' descolar dos ?petrolíferos' na tabela.

Também a jogar na capital angolana, mas a lutar pela fuga aos últimos lugares, os ‘aviadores’ do ASA receberam os ‘leões’ de Cabinda, vencendo por 2-0.

A 18.ª jornada ficou ainda marcada pelo dérbi das Lundas, entre o Progresso da Lunda Sul e o Sagrada Esperança (Lunda Norte).

Entre equipas das terras dos diamantes, a vitória acabou por sorrir à da Lunda Sul - único golo da marcado aos 94 minutos -, que assim continua a afirmar-se como a surpresa do ‘Girabola’, permanecendo no topo da tabela, em ano de regresso ao convívio dos grandes do futebol angolano.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.