O FC Bravos do Maquis do Moxico venceu hoje, quarta-feira, no estádio Mundunduleno do Luena, a formação do Santa Rita de Cássia, por 3-1, em jogo da quarta jornada do Girabola2019/20.

Amaro, Lamy e Gazeta marcaram para os maquizardes, enquanto Vidinho apontou o tento de honra dos católicos.

Numa primeira parte apática e sem qualidade, caracterizada por jogadas individuais, as duas equipas não conseguiram realizar jogadas que levassem perigo às balizas contrárias, tendo o jogo ido para o intervalo com nulo no marcador.

No reatar, a equipa do Bravos do Maquis entrou com outra atitude, com jogadas acertadas, tendo chegado ao primeiro golo aos 57 minutos, por Amaro, na cobrança de um livre direto.

Com o tento sofrido a formação uigense não mais se encontrou e a formação orientada por Zeca Amaral aproveitou bem esse mau momento do adversário e ampliou aos 66 minutos, por Lamy, numa autêntica distração entre a defesa e do guarda-redes. Quatro minutos depois foi a vez de Gazeta marcar.

Com o resultado tranquilo, o Maquis cruzou os braços, que foi bem aproveitado pelo Santa Rita, que, através de Vidinho, reduzia para 3-1, aos 84 minutos.

Com esta vitória, o Bravos do Maquis soma sete pontos, na sétima posição, enquanto o Santa Rita de Cássia mantém-se com um ponto, na última posição.

A prova é liderada pela Académica do Lobito, com 10 pontos.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.