A reunião do comité diretivo da Liga grega de futebol foi interrompida na sequência de um confronto entre o presidente do Olympiacos e do Panathinaikos, na sequência do incidente protagonizado pelo treinador português Vítor Pereira.

“Não há razão para esconder que houve um incidente e que foi essa a razão para a interrupção da reunião”, afirmou o presidente do campeonato, referindo-se à altercação entre Vangelis Marinakis (Olympiacos) e Giannis Alafouzos (Panathinaikos).

No domingo, o treinador português Vítor Pereira, do Olympiacos, campeão grego de futebol em título, teve de fugir, na sequência de uma invasão de campo dos adeptos do Panathinaikos, quando o técnico se encontrava junto a uma das balizas.

Antes do início do dérbi, que o Olympiacos perdeu por 2-1, Vítor Pereira aproximou-se de uma das balizas, situação que acabou por desencadear a ira dos adeptos da equipa da casa, que de imediato lançaram fumos e tochas para a zona onde estava o técnico.

A situação ainda ficou mais tensa quando a claque forçou a entrada no relvado, ainda antes do início do jogo, levando a que a comitiva do Olympiacos e os jogadores que faziam o aquecimento tenham corrido para o túnel de acesso ao relvado.

“Temos muitos problemas para resolver no campeonato grego, mas não desta maneira”, acrescentou o responsável pelo futebol helénico.

Sobre os incidentes, o presidente do Panathinaikos precisou: “o senhor Marinakis projetou uma garrafa de água na minha direção e o seu guarda-costas socou o meu adjunto, ferindo-o no lábio”.

“Nunca pensei que uma reunião da direção da liga pudesse ser palco de uma tal violência”, acrescentou.

O Olympiacos não se pronunciou sobre os incidentes.

A equipa de Vítor Pereira – que assumiu o comando do campeonato em janeiro – perdeu no domingo, por 2-1, e tem agora apenas três pontos de vantagem para o Panathinaikos, após a 25.ª jornada, a nove do final.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.