O ex-diretor desportivo do FC Barcelona Eric Abidal afirmou hoje que tentou fazer mudanças na equipa principal de futebol do clube catalão, mas não conseguiu, admitindo que fracassou na função, que deixou há dois dias.

“Nos últimos dois anos, tentei fazer mudanças que considerava muito importantes para o futuro da equipa principal. Mas, apesar da minha convicção e insistência, fracassei”, afirmou Abidal, na sua conta na rede social Instagram.

Eric Abidal, que em 2013 deixou o clube como jogador, refere que este foi “o segundo adeus ao clube” a assegura que nestes dois anos tentou “sempre trabalhar para tornar o ‘Barça’ melhor”.

“Foram duas temporadas intensas, que decidi terminar. Apesar do comité de gestão me ter confirmado no lugar na segunda-feira, apresentei a minha demissão na terça-feira, renunciando ao último ano de contrato com o FC Barcelona”, afirmou o antigo internacional francês.

Na terça-feira, o FC Barcelona anunciou a saída de Abidal do cargo de diretor desportivo, apenas um dia depois de ter prescindido do treinador Quique Setién, entretanto substituído pelo holandês Ronald Koeman.

A saída de Abidal aconteceu quatro dias depois de o FC Barcelona ter perdido por 8-2 com o Bayern de Munique no jogo dos quartos de final da Liga dos Campeões de futebol, disputado em Lisboa.

Na segunda-feira, além da saída do técnico Quique Setién, a direção dos catalães, presidida por Josep Maria Bartomeu, marcou as eleições dos órgãos sociais para o primeiro fim de semana de jogo após 15 de março de 2021.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.