O Atlético de Madrid viu hoje agudizada a sua crise ao ser surpreendido, em casa, pelo lanterna-vermelha Levante, que venceu por um justo 1-0 no desafio em atraso da 21.ª jornada da Liga espanhola de futebol.

Gonzalo Melero, aos 54 minutos, marcou o único golo de um desafio em que a sua equipa mais perto de marcar de novo, destacando-se uma bola na trave já nos descontos ante um conjunto ‘colchonero’ irreconhecível, que sofreu o sétimo desaire na prova.

O campeão espanhol está em quinto, fora dos lugares da Liga dos Campeões, com os mesmos 39 pontos do FC Barcelona, que tem um desafio menos, e a 15 do líder Real Madrid. A Real Sociedad está a um ponto do conjunto de Diego Simeone e igualmente com menos uma partida disputada.

Apesar do segundo triunfo na prova, conseguido nos últimos cinco desafios, o Levante está ainda a 10 pontos do lugar que lhe pode valer a salvação.

A pressionar alto, o Levante foi quem mais perigo criou ao longo do encontro que sentenciou em ‘disparo’ de Gonzalo Melero, aos 54.

João Félix entrou aos 64 minutos e foi quem aos 90+3 levantou para a pequena área onde Correa, de costas para a baliza, não conseguiu desviar, sendo que o argentino ainda marcou, de ‘bicicleta’, aos 90+6, mas o árbitro já tinha sancionado uma falta anterior de um colega seu na área.

Logo a seguir, Mickael Malsã, do meio-campo, mandou um ‘balão’ que esbarrou na trave, quase surpreendendo Oblak, que no último lance do encontro, na área adversária, ia fazendo o que nenhum colega conseguiu, mas o seu cabeamento, após livre, passou perto do ferro.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.