O FC Barcelona exerceu a opção de recompra do avançado Gerard Deulofeu ao Everton, pelo que o futebolista regressa aos catalões dois anos após sair para Inglaterra.

Este regresso não implica que o atleta de 23 anos fique às ordens do novo treinador, Ernesto Valverde, na próxima época, já que Deulofeu já fez saber que não tem interesse em ficar no clube, ao qual chegou com nove anos.

É provável que o extremo, que alinhou os últimos meses cedido ao AC Milan, seja vendido por um preço superior aos 12 milhões do preço de recompra dos seus direitos ou sirva para baixar o valor de compra de outro futebolista.

“Nos próximos dias concretizaremos as condições necessárias para levar a cabo a operação, tanto com o Everton como com o jogador”, informaram os catalães.

Deulofeu começou por merecer a confiança de Roberto Martínez no Everton, mas com a chegada Ronald Koeman escassearam as oportunidades, pelo que acabou cedido ao AC Milan, onde voltou a mostrar os seus dotes.

Além destas duas épocas em Inglaterra e Espanha, o avançado já tinha alinhado em 2013-14 no próprio Everton e em 2014-15 no Sevilha.

Apesar de ser considerado uma das maiores promessas do futebol espanhol, tendo representado todas as seleções jovens e sido já internacional pela equipa principal, Deulofeu nunca se impôs no FC Barcelona.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.