Luis Suárez voltou, esta tarde, aos golos, mas o seus dois remates certeiros não foram suficientes para evitar nova escorregadela do Barcelona, que empatou 2-2 no terreno do Celta de Vigo e poderá ver o Real Madrid fugir no topo da tabela.

No final da partida, o avançado uruguaio pareceu querer deixar uma mensagem para dentro, mais concretamente para o treinador Quiqué Sétien, quando questionado sobre o que tem falhado no clube nos últimos tempos. "O que se passa com o Barcelona? É para isso que servem os treinadores, para analisar por que razão perdemos pontos importantes fora de casa, algo que não acontecia em outras temporadas", sublinhou.

Suárez frisou a importância que um triunfo em Vigo poderia ter tido nas contas da La Liga. "Era um jogo fulcral na luta pelo título. Fizemos uma boa primeira parte, a criar ocasiões, mas viu-se algo diferente no segundo tempo, com o Celta a querer ser mais protagonista. Foi uma sensação amarga, de tristeza e de frustração, pois perdemos dois pontos", acrescentou o atacante.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.